Como aproveitar o Ensino Médio para se preparar para a faculdade

Se você clicou neste artigo, certamente já está pensando no vestibular, mesmo que ainda não esteja no ano das provas. E faz certo! Por mais que o último ano seja o mais “puxado”, com uma rotina de estudo diária, todo o aprendizado que você tiver ao longo do Ensino Médio será de enorme utilidade para o momento decisivo – o vestibular em si.

São três anos de ensino médio, muitas matérias, conteúdos novos, um mundo de aprendizados! Mas como aproveitá-los da melhor forma? Como se preparar para a próxima grande etapa, que é a faculdade?

São muitas perguntas, nós sabemos. Por isso, antes de tudo, a tarefa mais importante é estudar em um local que te auxilie na formação de todas as competências necessárias para ter ótimos resultados, tanto no vestibular quanto na universidade.

O Colégio Córtex, por exemplo, oferece tudo isso. São resultados concretos, com fortalecimento dos conteúdos importantes para os vestibulares ao longo dos três anos de Ensino Médio. Também promovemos uma série de atividades com foco exclusivamente no Enem.

Sabendo da importância dessa fase da vida, contamos com suporte emocional em um ambiente humanizado. Buscamos, ainda, reconhecer os esforços dos alunos, com premiações bimestrais. Nossos professores e diretores também estão presentes no dia-a-dia dos alunos.

E além da importância de se ter uma boa escola como suporte, o aluno deve aproveitar cada momento pensando no longo prazo, a universidade. A ideia é ir passo a passo, absorvendo ao máximo tudo o que um bom Ensino Médio pode te oferecer desde o primeiro dia de aula.

Saiba, ao longo deste artigo, como aproveitar o Ensino Médio para estudar com organização e planejamento!

Tenha um objetivo

Você já sabe qual o curso que mais te atrai? Qual a profissão que deseja seguir? Um excelente primeiro passo é realizar um teste vocacional para verificar quais as possibilidades de acordo com suas aptidões.

Assim, você pode pesquisar sobre cada um dos cursos, identificar as faculdades e universidades que oferecem e, quando for realmente o momento de escolher, será possível percorrer um caminho mais curto e assertivo até a decisão.

Sem falar que quando temos um objetivo claro, fica mais fácil e prazeroso seguir um plano de estudos.

Empenhe-se

A dinâmica de uma faculdade é bem diferente do Ensino Médio, é bem verdade. Mas uma coisa não muda: o seu progresso vai depender do seu empenho e dedicação nas aulas e nos estudos. Encare esses três anos também como uma preparação para o que está por vir.

Neste sentido, é sempre interessante lembrar: faça os seus trabalhos sem procurar atalhos. Pesquise, organize as ideias, escreva, construa. Você só tem a ganhar. Numa universidade (e na vida!), copiar um trabalho da internet ou de um livro é algo muito sério, podendo levar à expulsão.

E não tenha medo ou vergonha de apresentar para seus colegas de classe e professores. Quando a gente se preparou e realmente domina o assunto, fica mais fácil transmitir as informações de maneira clara e objetiva.

Mas não se preocupe se não for bem nas primeiras apresentações. Treino é tudo neste caso! A cada seminário sua confiança vai aumentando e os resultados vão ficando ainda melhores.

Aprenda a estudar

Decorar o conteúdo para ir bem nas provas nunca foi o melhor caminho. Se você quer ter um bom resultado no Enem ou no vestibular, precisa realmente aprender.  Entender o conteúdo é a chave para que você consiga aplica-lo!

Mas veja só: não existe a maneira certa de estudar. Existe a maneira ideal para você. Algumas pessoas preferem revisar o conteúdo lendo em voz alta, outras entendem que é mais efetivo fazer um resumo escrito da matéria… e por aí vai. Cada aluno precisa entender de que maneira consegue fixar melhor o conhecimento. 

De qualquer forma, algumas dicas são importantes: pesquise, faça revisões do assunto antes da semana de provas, tire suas dúvidas com o professor.  E não deixe os exercícios para depois. Eles são essenciais para fixar o que foi passado em sala.

Baixe gratuitamente o nosso ebook “Montando o Roteiro de Estudos Ideal” e estude melhor!

Intensifique a preparação aos poucos

No primeiro ano do Ensino Médio, as novidades são muitas e realmente é preciso ir um passo de cada vez. Mas, ao longo do segundo ano, você já pode pouco a pouco ir intensificando sua preparação para o Enem e para os vestibulares.

Neste momento, é importante organizar seu plano de estudos de acordo com suas necessidades e objetivos. Ter uma rotina para se dedicar aos estudos em casa é essencial. Mas sem deixar o lazer de lado, certo? O equilíbrio será seu aliado sempre.

Se você já souber quais os vestibulares que mais te interessam, poderá buscar o edital dos anos anteriores para conhecer a estrutura das provas. O mesmo vale para o Enem.

Certamente você perceberá que muitos dos conteúdos são recorrentes, enquanto outros são bastante ligados a fatos que, muitas vezes, acabaram de acontecer. A redação, principalmente, costuma surpreender. Por isso, desenvolver o raciocínio rápido e a capacidade de interpretação e articulação das ideias é essencial durante toda a vida escolar. 

Conheça os seus pontos fortes e fracos

Suas dificuldades não serão as mesmas do seu grupo de amigos. Cada estudante é único e, embora alguns conteúdos pareçam particularmente difíceis para todo mundo, alguém sempre irá melhor em matemática, outro em história, em redação… e assim por diante.

Por isso, quando for organizar o seu plano de estudos, tenha em mente quais são as matérias que vão exigir uma dose extra de dedicação sua. E tenha uma rotina de revisões para os principais conteúdos, garantindo que tudo aquilo que foi estudado não se perca. 

Estudos em grupo também são válidos, assim quem tem mais facilidade numa área pode ajudar o colega e vice-versa. Mas sem perder o foco com conversas e brincadeiras, certo?

O terceirão

No terceiro ano do Ensino Médio, é recomendado intensificar ainda mais essa preparação. Exercícios e simulados serão grandes aliados neste momento. A dedicação fora da sala de aula precisará ser ainda maior neste momento, por isso a organização fará a diferença.

Mas não se esqueça de que relaxar também é preciso. Se sua mente não puder “respirar”, talvez o processo de aprendizagem fique mais complexo. Então, tenha foco sim! Afinal, é o seu futuro que está em jogo. Mas também não deixe completamente de lado os momentos de lazer, as conversas com os amigos, a prática do seu esporte favorito.

Com planejamento, dedicação aos estudos e equilíbrio, você chegará mais do que bem preparado para o Enem e o vestibular que escolher!

Gostou? compartilha.

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais posts relacionados.

Humor e aprendizado combinam? Entenda como aprender se divertindo

Dicas de estudo testadas e comprovadas não faltam por aí, e a maioria de nós sabe o básico: coisas como desenvolver um plano claro, encontrar um espaço sem distrações, fazer...

Como aproveitar o Ensino Médio para se preparar para a faculdade

Se você clicou neste artigo, certamente já está pensando no vestibular, mesmo que ainda não esteja no ano das provas. E faz certo! Por mais que o último ano seja...

Quais os assuntos que mais caem no Enem?

A data do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) está se aproximando! E quando começa a contagem regressiva para a prova, a ansiedade vai aumentando, não é mesmo? Mas não...

Enem Digital: O que você precisa saber?

Neste ano de 2020, o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) terá também aplicação digital. Essa informação certamente não é novidade. Mas, afinal, o que muda a partir de agora?...

Métodos de estudos que melhoram o aprendizado

Quando o assunto é Enem e vestibulares, não adianta acreditar que apenas o conteúdo passado em sala de aula será suficiente. É preciso planejamento e estratégia para seguir os estudos...

Você sabe estudar em casa? Descubra!

Estudar em casa e sozinho exige foco, comprometimento e dedicação. As distrações são muitas e aquele famoso “vou dar só uma olhadinha nas redes sociais” facilmente se transforma em horas....